A declaração da Secretaria foi preconceituoso. Revela uma política urbana e habitacional, não inclusiva!

blog da Raquel Rolnik

“Para morar nesta cidade [de São Paulo], [para] ser cidadão nesta cidade, tem que trabalhar, tem que ter recurso, tem que ter condição de pagar. Quem não pode, infelizmente, tem que sair ou ir para cidades menores.” Esta declaração da diretora da regional Norte da Secretaria Municipal de Habitação de São Paulo, feita numa reunião com moradores da favela da Coruja que perderam suas casas num incêndio no mês passado, foi amplamente divulgada na imprensa esta semana. Em reposta, a Secretaria afirmou que fará uma investigação interna para apurar o caso.

Hoje recebi um e-mail de uma funcionária da Secretaria que diz ter se sentido muito triste ao ler as notícias sobre as declarações da diretora e que acha que os jornais não apuraram devidamente o que ocorreu. “É pela convivência de quase um ano de trabalho, de muito sacrifício junto com os trabalhadores da Habi Norte, desde os técnicos…

Ver o post original 337 mais palavras

Anúncios

Tributo a Aziz Ab’Saber

Nosso querido mestre Aziz Ab’Saber se foi. O maior geógrafo brasileiro, verdadeiro poeta da geomorfologia física deixa uma obra maravilhosa, mas nos deixa orfãos de suas grandes interpretações. Tenho orgulho de ter trabalhado com ele na Sudelpa. Nesse tempo, Aziz pegou mais de 20 volumes de estudos geológicos da CPRM sobre o Vale Ribeira e a região lagunar de Iguape- Cananéia, estudou-os volumes detidamente, e com essa informação gerou a mais brilhante interpretação sobre a formação geomorfológica da região do Vale do Ribeira. Grande cientista! Gerador de conhecimento.

Outro aspecto marcante em sua personalidade é a combinação entre a geração de conhecimento e sua ação como cidadão permanentemente ligado às questões do desenvolvimento sustentável. Transformava o conhecimento em ação aplicada, em verdadeiro planejamento aplicado!